quarta-feira, 2 de junho de 2010

Limite!

Durante essa semana venho pensando que não vou conseguir fazer tudo que necessito. Enlouqueço, choro, esperneio, não durmo e não como direito. Como eu queria ser uma largada, não me importar com minhas obrigações, não assim como me importo. Acho que os perfeccinonistas sofrem muito. Estou tentando pensar que tudo vai dar certo! Não posso me desesperar.
São tantas coisas, eu sempre tento abraçar o mundo.
O feriado veio em boa hora. Vou conseguir terminar meu relatório de estágio, dar uma melhorada no projeto de pesquisa, corrigir as inúmeras coisas dos meus alunos e ainda elaborar aulas.
Enquanto tem gente que vai viajar, passear e dormir nesses quatro dias, eu vou estar pilhada... mas também, não sei como seria se fosse diferente...
Aí... tenho saudades de um tempo que eu tinha tempo para as coisas, agora nem vejo a semana passar.


Um comentário:

Instituto Veritas disse...

Bom Luciellem, se lhe serve de conforto... não és a única, não sou eu nenhum perfeccionista, mas em boa medida, me comprometo com as coisas... em especial quando esta relacionado com Ciências Sociais...
Se por um lado essa atitude de comprometimento nos vale algumas dores de cabeça, por outro, nos vale o prazer de ser respeitado pelo que fazemos, e a mim, isso é bom demais...

Paulo Flavio de Andrade

Postar um comentário